Surfshark
Astronomia no Zênite
Astronáutica - Os pioneiros

O programa Zond

StatusLançamentosObjetivo
Concluído
Entre abril de 1964 e outubro de 1970
A Lua (especialmente)
Zond 2
ZOND 2  Clique para ampliar.

As missões Zond (Explorador, em russo) foram um dos dois programas de exploração conduzidos pela antiga União Soviética (URSS) para investigar a Lua e seus arredores. Embora considerado um programa lunar, a Zond 1 foi enviada para Vênus e a Zond 2 para Marte. Além disso, as missões posteriores (4-8) foram testes para missões lunares tripuladas, bem como para coletar informações científicas sobre a Lua.

A nave Zond era uma modificação das Soyuz, adaptada para circum-navegação lunar. A intenção da URSS era enviar cosmonautas para caminhar na superfície lunar usando uma combinação Zond/Soyuz com um módulo tripulado para descida na Lua e regresso à órbita, chamado LK lander.

PROGRAMA ZOND
MissãoLançamentoPrincipais resultados
Zond 102/Abr/1964Enviada para Vênus, sobrevoou o planeta em julho do mesmo ano, a uma distância de 100.000 km e entrou em órbita em torno do Sol.
Zond 230/Nov/1964Enviada para Marte, sobrevoou o planeta em agosto de 1965 a uma distância de 1.500 km, com velocidade relativa de 5,6 km/s. A sonda levou vários equipamentos científicos e dispunha de um sistema experimental de jatos de plasma, que atuaram como controladores de altitude.
Zond 318/Jul/1965Transmitiu fotografias por facsímile. Após sobrevoar a Lua, continuou a exploração do meio interplanetário em órbita do Sol.
Zond 514/Set/1968Precursora dos voos tripulados, esta foi a primeira sonda circunlunar e ser recuperada. Deu uma volta em torno da Lua, levando sementes, plantas, bactérias e tartarugas. Regressou à Terra em 21 de setembro.
Zond 610/Nov/1968Sobrevoou a Lua a distância mínima de 2.420 km, tirando fotos, inclusive do lado oculto.
Zond 707/Ago/1969Obteve fotografias em cores da Terra e da Lua em várias distâncias. Sobrevoou o satélite a distância mínima de 1.985 km.
Zond 820/Out/1970Experimentos científicos e fotos da superfície. Regressou à Terra em 27 de outubro, caindo no Oceano Índico.

As naves Zond eram veículos automáticos que também coletaram diversas informações de interesse científico, tais como o fluxo de micrometeoritos, radiação e vento solar, raios cósmicos, campos magnéticos e emissões de rádio nos arredores da Lua.

Elas enviaram muitas fotografias e também transportaram cargas biológicas. Tartarugas, moscas, minhocas, algumas espécies de plantas e bactérias dividem a primazia de terem sido os primeiros seres vivos a orbitar a Lua. Artigo de Astronomia no Zênite

GOSTOU DO ARTIGO? COMPARTILHE!    
PUBLICIDADE
Este website não tem fins lucrativos, sendo mantido pelos anúncios exibidos aos nossos visitantes. Por favor, considere nos apoiar desativando o seu bloqueador de anúncios para www.zenite.nu
 

Animais no espaço
O programa Luna

Referências (fontes consultadas)
• Zond Mission. Lunar and Planetary Institute. Disponível em <https://www.lpi.usra.edu/lunar/missions/zond/>. Acesso em 15 mar 2018.
• Programa Luna. Wikipédia. Disponível em <https://en.wikipedia.org/wiki/Zond_program>. Acesso em 7 mar 2018.
Créditos: Costa, J.R.V. O programa Zond. Astronomia no Zênite, 8 mar. 2020. Disponível em: <https://www.zenite.nu/o-programa-zond>. Acesso em: 27 out. 2021.
Como citar esta página como uma fonte da sua pesquisa

Segundo a Associação Brasileira de Normas Técnicas, ABNT, a forma indicada para mostrar que você pesquisou o artigo contido nesta página é:

 

As referências bibliográficas são importantes não apenas para dar crédito aos autores de suas fontes, mas para mostrar a sua habilidade em reunir elementos que constroem uma boa pesquisa. Boas referências só valorizam o seu trabalho.