Os asterismos

Criar constelações é um procedimento natural do ser humano. Lembra o ato quase involuntário de enxergar objetos e seres nas nuvens. No caso do céu noturno, funciona como no passatempo de juntar os pontos, só que sem números para seguir. Cada um cria seu próprio desenho.

Constelações não existem na realidade. As estrelas simplesmente não estão num mesmo plano (ou a uma mesma distância), como os pontos na folha de papel, de modo que possam de fato formar figuras no espaço.

Mas como, afinal, tudo se passa como se existisse uma abóbada celeste sobre nós, uma semiesfera de cristal onde as estrelas são como continhas de luz ─ então nós as unimos, e formamos as constelações.

Três Marias

BONECA RUSSA  Dentro de uma constelação pode haver outra. São os asterismos. Na foto, as Três Marias.

O processo é cíclico. Antigos gregos nos deixaram o legado da maioria das constelações reconhecidas internacionalmente hoje. E dentro delas (ou entre elas), diversas contribuições culturais foram deixando também sua marca. E é isso que chamamos de asterismo.

Um asterismo é como uma constelação dentro de outra, ou mesmo usa estrelas de mais de uma delas. As Três Marias, por exemplo, é um dos asterismos mais populares no Brasil.

Muitas pessoas conseguem identificar facilmente as Três Marias no céu do verão austral. Mas as Três Marias não formam uma constelação “oficial”. São apenas três estrelas brilhantes que destacamos no interior de uma constelação já existente (neste caso, a do caçador Órion).

O asterismo é isso. Um padrão reconhecível de estrelas que geralmente faz parte de uma das 88 constelações reconhecidas pela IAU, ou que também pode ser composto por estrelas de mais de uma constelação.

Mas isso não reduz o seu valor. Na verdade, alguns asterismos conseguem ser mais famosos que as constelações a que pertencem, com suas ricas e variadas origens. E foi justamente para falar sobre eles que criamos esta seção. Boa leitura!


Setestrelo
Principal evidência do conhecimento astronômico de indígenas brasileiros, esse popular aglomerado de estrelas vem chamando atenção em diversas épocas e partes do mundo.

Chá com estrelas
Tem um bule de chá no céu (entre outros objetos curiosos). E você nem precisa de tanta imaginação assim para vê-lo. Prepare-se para uma viagem ao centro da galáxia.

Mulheres celestiais
A história pouco conhecida de um dos asterismos mais populares que se tem notícia. Redescubra as Três Marias e toda a riquesa celestial que existe em volta delas.

 

As 88 maravilhas do céu
O círculo dos animais

» Sobre esta página:
• Voce está em www.zenite.nu/os-asterismos/
• Última atualização em 4 de janeiro de 2016.

» Como usar o texto desta página como uma fonte de sua pesquisa? show